sexta-feira, 24 de junho de 2016

Quatro tijolos de maconha dentro de uma geladeira em Tatuí

 Uma guarnição da Guarda Civil Municipal de Tatuí, após tomar conhecimento de um veículo que havia sido produto de roubo, logrou êxito em visualizar o referido veiculo circulando nas a proximidades do Jardim Lírio, sendo então realizada a abordagem momento que a guarnição identificou o individuo sendo Danilo Luiz Caldeira de 34 anos e sua esposa Sirlei Terezinha Fogaça de Moraes de 42 anos. 


    Durante busca no interior do veículo, foi localizada uma porção de maconha, que estava solta no assoalho do veículo, sob o banco do motorista dois celulares e na carteira de Danilo havia a importância de R$ 160,00 reais. 

Foram indagados a respeito do veículo e do entorpecente, respondendo apenas que havia emprestado o veiculo de um amigo, mas não informaram a identidade do suposto amigo, o casal informou que residiam no Bairro Tanquinho, mas inicialmente informaram endereços distintos, após se contradizerem o casal informou outro endereço, dizendo que pelo local estaria outro individuo. 

    De posse das informações a guarnição da GCM se dirigiu até o local, onde foi localizado o terceiro individuo e abordado e identificado sendo Jefferson da Silva de 31 anos, ao ser indagado confirmou haver mais entorpecentes na residência, e indicou o local a guarnição onde foi localizado no interior e de um quarto em cima de móvel, foi localizada dentro de uma geladeira desligada 4 tijolos de maconha, além de faca e uma balança de precisão, no quintal do imóvel foram localizados um pote plástico, enterrado na areia, contendo outro tijolo de maconha além de sacoles, no interior do imóvel também foi localizado um monitor, duas caixa de som, dois aparelhos de som automotivo e um aparelho de DVD e três aparelhos celulares, tudo na sala do imóvel.

    Diante dos fatos os indivíduos foram encaminhados para a Delegacia, onde foi elaborado o fragrante de tráfico de entorpecentes e receptação artigo 33 da lei 11.343/06 (lei de tóxico e artigo 180 do Código Penal. Os objetos e o veiculo estão apreendidos e os indivíduos à disposição da Justiça. O fato ocorreu na quinta-feira à noite, 23/06.

    Não dá para viver sem notícia

Nenhum comentário:

Postar um comentário