sexta-feira, 30 de outubro de 2015

Reforço policial nas rodovias estaduais de São Paulo

A Polícia Militar iniciou a partir das 14 horas de sexta-feira (30/10), uma operação especial para reforçar a segurança nos mais de 22 mil quilômetros de rodovias estaduais durante o feriado de Finados. Na operação, são empregados 944 viaturas, 108 motocicletas, 15 helicópteros Águia e uma média de 2.771 PMs.

A ação, que seguirá até terça-feira (03/11), tem como objetivo evitar acidentes e garantir a fluidez do trânsito. Serão 1.313 PMs dos cinco batalhões da Polícia Rodoviária (CPRv), 61 do Grupamento de Radiopatrulha Aérea (GPRAe), 140 do Comando de Policiamento de Trânsito (CPTran), além de 1.257 das unidades territoriais.

A Polícia Militar conta com 333 bafômetros para realização de testes de embriaguez. A fiscalização da velocidade dos carros será feita por meio de 89 radares portáteis para dar mais mobilidade à fiscalização, 364 radares fixos e 242 equipamentos, como decibelímetros (medidores de pressão sonora).

Os radares portáteis são chamados de OCR Embarcados e leem automaticamente as placas dos veículos. Depois, as informações são repassadas aos policiais quase instantaneamente. Com isso, é possível selecionar, de forma mais eficiente, quais carros serão abordados.

O radar facilita o encontro de veículos roubados e, consequentemente, a prisão de criminosos. Além disso, o monitoramento das vias também será feito a partir de câmeras dos Centros de Controle Operacional das Rodovias.

                                                 Álcool e trânsito

A PM alerta que o motorista que for flagrado dirigindo embriagado será multado em R$ 1.915,40 e poderá ter o veículo apreendido e a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) retida por 12 meses. O condutor poderá ainda responder criminalmente a uma pena de seis meses a três anos de prisão.

Reproduzida da Secretaria da Segurança Pública.

Nenhum comentário:

Postar um comentário