sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Mulher é presa por desacatar policiais em Salto de Pirapora, durante trajeto para a Delegacia ela danificou a viatura

Lourdes Gizele
No início da manhã de sexta-feira (23/10) Lourdes Gizele de 31 anos, residente no Bairro Ana Guilherme, em Salto de Pirapora, se dirigiu até à “Pizzaria Bertolotto”, situada na Rua Padre Ângelo Sofia, no Jardim Paulistano, onde a mãe dela trabalha.

Chegando no estabelecimento comercial, Gizele pediu dinheiro para a mãe dela, mas sua mãe negou. Ao ouvir a negativa, Gizele começou fazer escândalo no local; o proprietário da pizzaria acionou a Polícia Militar. 

Quando os policiais chegaram no comércio, Gizele desacatou os milicianos e desobedeceu ordem dos policiais. A polícia deteve a mulher e a conduziu para a Delegacia. Agitada, durante o trajeto para a Delegacia, ela desferiu chutes e cotoveladas danificando à parte interna do compartimento de preso. Ela está presa sob acusação de desacato, resistência, desobediência e dano ao patrimônio público. 

Conforme informação da polícia, Gizele estaria aparentemente sob efeito de bebida alcoólica, foi ao comércio onde sua mãe trabalha para pedir dinheiro afim de consumir entorpecente. Após o flagrante ela foi encaminhada para a cadeia de Votorantim. Gizele comemorou 31 anos, na quinta-feira (22/10).


Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário