quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Agente penitenciário é acusado de cometer dois roubos no centro de Piedade

Richard Rodrigo
Um transeunte acionou à Polícia Militar para reclamar que um indivíduo fez menção de estar armado com arma de fogo e subtraiu o seu celular. O crime teria ocorrido no início da madrugada de quarta-feira (14/10), nas proximidades da Santa Casa de Piedade.

Conforme reclamação da vítima, o ladrão fugiu em seguida numa motocicleta CG 150 de cor cinza. Policiais militares iniciaram patrulhamento pelo centro da cidade na tentativa de localizar o suspeito.

Mais tarde, houve outra reclamação de roubo também no centro da cidade: um criminoso abordo de uma motocicleta CG 150 de cor cinza teria simulado estar armado com arma de fogo e roubou um tablet de outro transeunte; mas dessa vez a vítima anotou a descrição da placa da motocicleta, e informou aos policiais militares, que haviam registrado a reclamação da primeira vítima (roubo do celular).

Os policiais intensificaram patrulhamento e localizaram Richard Rodrigo Nunes, 35 anos, numa motocicleta CG 150 de cor cinza. Com ele havia o tablet que teria sido roubado da segunda vítima. 

Ao ser apresentado na Delegacia de Piedade, o delegado Milton Andreoli ratificou flagrante de dois roubos (artigo 157 do Código Penal). Richard é agente penitenciário, reside em Caraguatatuba-SP, de acordo com à polícia, ele estava internado numa clínica de Piedade que desenvolve tratamento para recuperar dependente de droga. Ele está recolhido na cadeia de Pilar do Sul.


Não dá para viver sem notícia.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário