quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Homem sofre duas tentativas de homicídio em 101 dias na zona rural de Salto de Pirapora

Adilson Ferreira Rodrigues de 29 anos, residente no Bairro Piraporinha, zona rural de Salto de Pirapora, sofreu nova tentativa de homicídio no início da noite de terça-feira (22/09), ele estava no interior de um bar do bairro onde mora, quando alguém disparou um tiro atingindo seu tórax.

Familiares levaram Adilson ao pronto-atendimento da Santa Casa de Salto de Pirapora, onde o médico identificou que o projetil transfixou o tórax da vitima, mas apesar disso ele não corre risco de morte. Durante o atendimento, Adilson conversou com policiais militares como sofreu o disparo, mas desconhece o autor da tentativa de homicídio. 

                                      Primeira tentativa

Em 08 de junho de 2015, Adilson sofreu tentativa de homicídio no mesmo bairro onde mora, um de seus algozes disparou um tiro atingindo a parte inferior do seu rosto, Adilson não morreu porque saiu correndo e conseguiu se refugiar no Posto de Saúde daquele bairro. Segundo informação da polícia, naquela data três pessoas tentaram matar Adilson.

 Em 23 de julho (quase 50 dias depois) a polícia capturou os suspeitos de cometer o crime, um adolescente de 16 anos e dois rapazes de 25 anos:  Wagner Correa Júnior e Michel Alberto de Almeida. A polícia afirma que Adilson é dependente químico e os suspeitos também são envolvidos com drogas. Os envolvidos capturados são moradores do bairro.

Não dá para viver sem notícia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário