sábado, 22 de agosto de 2015

Roubo de celular no centro de Salto de Pirapora resulta em chilindró

No final da noite de quarta-feira (19/08), um adolescente saiu de um lan house onde trabalha, no centro de Salto de Pirapora, e quando caminhava pela Rua Dorival de Barros Leite, próximo ao "Mercado do Fio", dois rapazes numa bicicleta chegaram até o adolescente e exigiram que o adolescente desbloqueasse o celular dele e lhes entregasse.

O adolescente entregou o aparelho. Os dois ladrões fugiram com o celular. A vitima procurou à Polícia Militar e reclamou o caso afirmando que conhecia um dos autores que mora no centro daquela cidade, e inclusive era frequentador do lan house onde a vitima trabalha. A polícia foi na casa do adolescente suspeito; ele assumiu participação no roubo e relatou quem era o comparsa e onde morava o comparsa.

A polícia foi na casa do comparsa na Vila Floriano, na mesma cidade. Tulio Batista de Almeida de 19 anos, negou responsabilidade pelo crime. Os dois foram levados para a Delegacia da cidade. A vitima reconheceu os dois. Durante a inquirição dos policiais civis, Tulio terminou entregando o celular que eles roubaram. 

O delegado Gilberto Montenegro Costa Filho prendeu Tulio por roubo e corrupção de menor (ao artigo 157 do Código Penal e artigo 244-B do Estatuto da Criança e Adolescente). O delegado mandou apreender o menor para ser conduzido ao Fórum de Salto de Pirapora e transferiu Tulio para uma unidade prisional em Sorocaba.

Não dá para viver sem notícia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário