REVENDEDOR DE POSTE PADRÃO

REVENDEDOR DE POSTE PADRÃO

sábado, 29 de agosto de 2015

Esconderijo de drogas em plantação de eucalipto no Jd Madalena, em Salto de Pirapora

Ação conjunta da Polícia Civil, Polícia Militar e Guarda Civil localizou um esconderijo de drogas, em Salto de Pirapora. Na sexta-feira (28/08), as equipes se dirigiram até uma plantação de eucalipto próximo da Rua Alcides Vieira da Rosa, no Jardim Madalena e localizaram entorpecentes.

Havia no local: 35 gramas de crack em formato de tijolo, 245 gramas de cocaína acondicionadas em eppendorfs e  930 gramas de maconha em formato de tijolo, 2.300 eppendorfs vazios, peneira, e balança para pesagem da droga. Nenhuma pessoa estava no local quando as equipes chegaram. O material está apreendido. A polícia vai investigar para saber quem são os responsáveis pelas drogas.


Não dá para viver sem notícia.

Blitz educativa "Motociclista Seguro" em Sorocaba

As atividades do Programa Motociclista Seguro, lançado no final de julho pela Urbes – Trânsito e Transportes, prosseguem com programação aos domingos e na próxima semana. No domingo (30) acontece mais uma aula da Escola do Motociclista Seguro, realizada em parceria com a  Concessionária WalkMotos Honda. 

A aula é gratuita para os previamente inscritos e acontece das 8h30 às 11h30, no bolsão de estacionamento do Parque das Águas. A atividade reúne condutores de motocicletas já habilitados e ensinará técnicas de curvas, frenagem, mudança de direção, pilotagem noturna e falará sobre a importância do uso dos equipamentos de segurança e da inspeção preventiva da motocicleta.

Na segunda-feira (31/08) uma blitz educativa percorrerá os bolsões de estacionamento da região central da cidade para orientar motociclistas sobre a importância da adoção de atitudes responsáveis na condução de motos. Das 9h às 11h serão percorridos os seguintes bolsões de estacionamento: Rua da Penha (em frente a Cirandinha), Rua Álvaro Soares (oposto à Casas Bahia), Rua Sete de Setembro e Rua Rodrigues Pacheco.

As ações do Programa “Motociclista Seguro – todos conscientes, menos acidentes” tem o objetivo de reduzir os números de acidentes de trânsito envolvendo motociclistas na cidade.  São parceiros do Programa “Motociclista Seguro – todos conscientes, menos acidentes” o Detran/SP - unidade Sorocaba, a Polícia Militar, o Conselho Municipal de Trânsito e Transportes (Comutran) e a Academia Brasileira de Trânsito (Abtrans). O trabalho da Urbes no Programa Motociclista Seguro. Mais informações em urbes.com.br.


sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Menos mortes dolosas em São Paulo

O Estado de São Paulo apresentou queda na maior parte dos indicadores criminais do mês de julho. Houve diminuição nos roubos de carga e de veículos, além de recuo nos homicídios dolosos e nos estupros. A taxa de homicídios caiu para 9,25 mortes por 100 mil habitantes e se manteve como a menor da história.

Os roubos de veículo caíram pela 14ª vez consecutiva, atingindo 5.750 ocorrências em julho passado. A melhora foi de 23,1% quando a comparação é feita com o mesmo período de 2014, quando houve 7.477 casos, ou seja, 1.727 a mais. O valor é o mais baixo para um mês de julho desde 2008, quando houve 4.818 registros.


Os furtos de veículos, assim como tem acontecido em todos os meses do ano, também apresentaram redução em julho e baixaram 8,19% na comparação com o mesmo período de 2014. O total passou de 10.087 para 9.261 boletins de ocorrência.

O Estado apresentou, ainda, queda nos roubos de carga pelo terceiro mês consecutivo. A redução em julho foi de 19,51%, com 143 casos a menos em relação a igual mês do ano passado. O indicador passou de 733 para 590. É a segunda vez no ano que o número é menor que 600. 


Pela quarta vez seguida em 2015, os furtos recuaram e chegaram ao menor total para um mês de julho nos últimos 13 anos. O índice caiu 1,34%, passando de 42.005 para 41.444 ocorrências.

Os roubos em geral recuaram mais uma vez e, em julho, a diminuição representou 2,7%. No mês passado, houve 25.211 registros do tipo, enquanto no mesmo período de 2014 foram feitos 25.911 boletins desse crime em delegacias.

Os roubos a banco aumentaram de 11 para 14 casos no mês.  No período acumulado, houve 11 casos a mais que nos sete primeiros meses do ano passado.

Reproduzida da Secretaria da Segurança Pública.

Indivíduo é preso em Salto de Pirapora ao ser flagrado com moto furtada em Araçoiaba da Serra

José Carlos
Os policiais militares soldado Vinicius e soldado Dos Anjos patrulhavam pelo Jardim América, em Salto de Pirapora, e avistaram um indivíduo saindo de uma área verde com uma motocicleta CG 125 sem placa. 

A equipe policial abordou o indivíduo e ao pesquisar a respeito da moto foram informados que a motocicleta havia sido furtada no dia 26 de agosto, no Bairro Jundiaquara, em Araçoiaba da Serra. 

Apresentado o caso na Delegacia de Salto de Pirapora, o indivíduo José Carlos Santana Filho, 29 anos, morador do Bairro América, na mesma cidade, alegou que localizou a motocicleta escondida na área verde, e estava apenas andando com a moto. 

O delegado Gilberto Montenegro Costa Filho aplicou flagrante de receptação (artigo 180 do Código Penal) e arbitrou fiança de R$ 800,00. Após pagar a fiança, José Carlos que já respondeu por furto, foi posto em liberdade. O fato ocorreu quinta-feira à tarde (27/08).

Não dá para viver sem notícia.

Desfecho do Crime - Acusado de matar indigente em Sorocaba é condenado a 15 anos

Um local conhecido por "Paredão" e frequentado por dependentes de drogas, foi palco de um crime bárbaro, no final da noite de 22 de junho de 2013. 

Pessoas de ambos os sexos chegam no tal "Paredão" na sexta-feira e só saem na segunda-feira: três dias ingerindo bebida alcoólica, e consumindo entorpecente. O fato ocorreu num barracão da Rua Professora Ana Rita Moraes Coelho, Jd Eldorado, em Sorocaba.

 Um indigente conhecido pela alcunha de "Neguinho", queria consumir droga no cachimbo de outro usuário de droga de nome Alessandro Mendes Scatambullo, mas Alessandro não permitiu. O indigente teria agredido â mão de Alessandro. Cleber Soriano dos Santos que é amigo de Alessandro, pegou um pedaço de madeira e atingiu a cabeça do indigente. 

Outro amigo de Alessandro, Eduardo Augusto Rigado também agrediu o indigente "Neguinho" com socos, chutes e golpe com faca. Segundo investigação da polícia, depois que a vitima estava caída no chão os três agressores arrastaram a vitima para um terreno ao lado, puseram colhões sobre a vitima e atearam fogo. Dois dias depois do crime a polícia ficou sabendo do homicídio (24/06/2013). Após investigação, a polícia prendeu os três acusados (mandado de prisão). 

                                                      No banco dos réus

Na quinta-feira (27/08), Alessandro foi apresentado no plenário do Tribunal do Júri de Sorocaba, para ser julgado. O promotor de justiça Eduardo Francisco dos Santos Júnior acusou Alessandro de ter cometido homicídio triplamente qualificado: futilidade, meio cruel e recurso que dificultou a vitima de se defender (artigo 121, parágrafo 2º inciso II, III e IV do Código Penal).

O advogado David Lopes da Silveira falou aos jurados que o processo carrega dúvidas relevantes e isto deveria ser considerado para aplicar o princípio do direito in dubio pro reo (em caso de dúvida a causa deve ser decidida em favor do acusado). Os jurados entenderam que Alessandro cometeu homicídio triplamente qualificado. A juíza Adriana Tayano Fantom Furukawa condenou Alessandro a cumprir 15 anos, em regime inicialmente fechado. O condenado quer recorrer da sentença.

Quem comete crime está sujeito a pão de angústia e água de amargura.

Força Tática de Tatuí apreende droga, semente de maconha e R$ 60 mil; o jovem responsável pela droga está em prisão

Denúncia anônima informou que um rapaz vendia droga num ponto da Rua Professor Manoel Luís da Silva Sá, Jardim Nossa Senhora de Fátima, próximo da Faculdade Santa Bárbara, em Tatuí. 

Na quinta-feira à tarde (27/08) uma equipe da Força Tática se dirigiu ao local para averiguar a denúncia. Ao avistar o suspeito e realizar revista pessoal a polícia encontrou dois cigarros de maconha e R$ 40,00. 

A polícia foi até a casa dele e encontrou mais cigarros de maconha, porções de maconha, um recipiente contendo semente de maconha, e também localizou R$ 60.900 mil (sessenta mil e novecentos reais). 

O averiguado que já estava detido, afirmou que o dinheiro é oriundo da venda de um imóvel, mas a polícia crer que o dinheiro pode ser fruto da venda de droga, motivo pelo qual houve apreensão do dinheiro. O delegado Helio Momberg de Camargo ratificou flagrante de tráfico de droga (artigo 33 da lei 11.343/06). Rafael Lopes de 18 anos, está à disposição da Justiça.

Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição. 

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Governo de São Paulo oferece recompensa para quem ajudar identificar criminosos que tentaram matar polícial

O secretário da Segurança Pública, Alexandre de Moraes, fixou em R$ 50 mil o valor a ser pago a quem fornecer informações que levem à identificação dos envolvidos na tentativa de homicídio contra a soldado da Policial Militar Adriana da Silva Andrade, atingida por um tiro de fuzil na manhã de quarta-feira (26 de agosto) por bandidos que explodiram um caixa eletrônico na Avenida das Nações Unidas, na Vila Leopoldina.

Adriana, de 29 anos, estava em patrulhamento. Foi encaminhada ao Hospital das Clínicas, onde foi operada e permanece internada em estado grave. A fixação da recompensa está prevista pela Resolução SSP-43, de 6 de maio de 2014. O valor é o mais alto entre as recompensas oferecidas pelo Governo do Estado para a resolução de crimes ou encontro de foragidos da Justiça. 

As informações para auxiliar nas investigações devem ser encaminhadas ao site do Webdenuncia (www.webdenuncia.org.br), mantido pelo Instituto São Paulo Contra a Violência mantido em parceria com o Governo de São Paulo. Qualquer pessoa que encaminhar denúncias ao serviço tem a garantia do anonimato.

Como denunciar

O interessado em denunciar precisa acessar o WebDenúncia e seguir as instruções. Não há a necessidade de realizar cadastro ou identificação pessoal. Esse procedimento foi elaborado para proteger o anonimato do denunciante. Ao final do processo, a pessoa recebe um número de protocolo e uma senha para acompanhar anonimamente o andamento da denúncia. É um processo semelhante a uma compra feita online.

Concluída a denúncia, a pessoa passa a ter acesso no site a uma seção para acompanhar o andamento do resultado das informações fornecidas e checar se receberá a recompensa.
Para receber a recompensa, o site fornecerá, na seção de acompanhamento, um número de cartão bancário virtual com o qual poderá fazer o resgate total ou em parcelas do valor em qualquer caixa eletrônico do Banco do Brasil, sem a necessidade de que ele se identifique.
O WebDenúncia conta com dupla criptografia de dados para a proteção do sistema. 

Os recursos para o Programa de Recompensa são do Fundo de Incentivo à Segurança Pública (Fisp), que é administrado pela Secretaria da Segurança. A verba é liberada ao fundo para o pagamento da recompensa.

As informações do denunciante são repassadas aos policiais civis e militares que atuam no WebDenúncia por meio de uma parceria entre a Secretaria da Segurança Pública (SSP) e o Instituto São Paulo Contra a Violência (ISPCV), que gerencia o sistema. Eles encaminham as informações às equipes responsáveis pelas investigações.

A importância de informações para o Programa Estadual de Recompensa é analisada de acordo com cada caso denunciado. A decisão final sobre o pagamento da recompensa fica a cargo do secretário da Segurança Pública.

Reproduzida da Secretaria da Segurança Pública.

Menor encapuzado é capturado após assaltar lanchonete em São Miguel Arcanjo

Dois indivíduos, cada um em uma bicicleta, armados com faca e encapuzados, assaltaram uma lanchonete na quarta-feira à noite (26/08), situada na Rua Manoel Fogaça, no centro de São Miguel Arcanjo.

Um criminoso se posicionou armado com a faca em frente da "Lanchonete Ed Dog", o outro ladrão entrou no estabelecimento, sacou uma faca e rendeu o funcionário que estava no caixa, em seguida subtraiu a quantia de R$ 421,00. 

Após o crime, os dois saíram nas bicicletas. Uma guarnição da Polícia Militar passava próximo ao local, e ao saber do fato fez acompanhamento ininterrupto até capturar um dos indivíduos.

É um adolescente de 17 anos, que reside na Cohab 1, em São Miguel Arcanjo. Além de detê-lo a polícia recuperou o dinheiro roubado e apreendeu a faca e o capuz utilizados no crime. O menor infrator seria apresentado no Fórum daquele município.

Não dá para viver sem notícia.

Polícia Rodoviária detém jovem que carregava 2 kg de drogas num táxi em Piedade

O jovem Felipe Augusto de Camargo, 21 anos, está preso desde o final da noite de quarta-feira (26/08), depois que uma equipe da Polícia Rodoviária abordou um táxi que trafegava pelo km 120 da SP 79, em frente a base da Polícia Rodoviária, em Piedade.

Felipe era passageiro do táxi e carregava uma sacola, no interior da mesma a equipe policial encontrou 155 gramas de crack, 308 gramas de cocaína, 1.543 kg de maconha (um quilo e quinhentos e quarenta e três gramas) e embalagens vazias que ele utilizaria para acondicionar os entorpecentes. 

A polícia conduziu até a Delegacia o jovem que reside no Bairro Caetezal de Cima, na zona rural de Piedade. O delegado Oscar Garcia Machado o recolheu Felipe em prisão sob acusação de tráfico de drogas (artigo 33 da lei 11.343/06).

Fonte: Blog Bom Dia Piedade.

Aline Santiago, a estelionatária de Salto de Pirapora está solta, mas há restrição de direitos; autônomo da Capital acusa a estelionatária Aline, a mãe e o pai dela de apropriação indébita

Aline Santiago e Zenildo Santiago
A paulistana Aline Santiago Silva, 28 anos, está condenada porque efetuou compras em comércios de Salto de Pirapora e cidades vizinhas apresentando documentos em nome de Tassia Fabricio Pereira, que reside em Sorocaba. 

A mulher (vitima) soube que seu nome tinha restrição de crédito (negativado no SPC), ela procurou a Associação Comercial de Sorocaba e ficou sabendo quais os comércios que haviam realizado vendas. Às compras ocorreram em 2014. 

Naquele ano, o caso foi reclamado na Delegacia de Salto de Pirapora. Os investigadores identificaram a estelionatária Aline Santiago Silva, e o seu endereço: Rua Elias Pedro Elias, Jardim Madalena, em Salto de Pirapora. 

A justiça condenou Aline a cumprir 1 ano, 2 meses e 12 dias, em regime inicial aberto, mas Aline mudou de endereço e não comunicou à Justiça, por esse motivo em 25 de julho de 2015, o juiz das execuções penais de Sorocaba, Emerson Tadeu Pires de Camargo mandou prender Aline. 

Leia a ordem do juiz: Considerando que Aline Santiago da Silva não foi encontrada no endereço declarado nos autos, tampouco comunicou ao Juízo sobre a eventual mudança de residência, em inequívoca demonstração de descaso com a Justiça converto a pena restritiva de direitos em privativa de liberdade. 

Após ser presa em 20 de agosto de 2015, por investigadores de Salto de Pirapora, no interior de uma loja de roupas, no Shopping Cianê, em Sorocaba, Aline foi apresentada na Delegacia Seccional de Polícia, na Av General Carneiro, em Sorocaba. No dia seguinte à Justiça tomou conhecimento da captura dela, após ser advertida, a Justiça mandou liberar a estelionatária. 

Durante o período de 1 ano, 2 meses e 12 dias, Aline está intimada a comparecer em Juízo a cada quatro meses; não deve frequentar bar ou estabelecimento similar; deve se recolher em sua residência até as 22h e lá permanecer até as 06h do dia seguinte, e não está autorizada a viajar para outro estado sem autorização da Justiça. Se descumprir uma dessas obrigações a justiça poderá mandar prendê-la novamente.

Mais acusação contra Aline, contra a mãe e o pai dela

Este site/blog apurou que o autônomo Claudeci Porfirio de Souza, 43 anos, residente no Parque Brasil, na Capital Paulista, acusa Aline Santiago Silva, como também a mãe dela, Maria Aparecida Santiago da Silva de 56 anos, e o pai de Aline, Zenildo Santiago da Silva, 66 anos, de terem cometido apropriação indébita. 

Claudeci reclama que assinou contrato de locação da casa situada na Rua José Rodrigues Claro, no Parque das Paineiras, em Sorocaba, onde havia móveis planejados de cozinha, de sala, cozinha e sanitários. O contrato foi firmado em 08 de maio de 2015.

 No dia 18 de julho (dois meses depois), um corretor avisou que Aline, sua mãe e o pai Zenildo haviam abandonado o imóvel e levaram os móveis planejados. O caso de apropriação indébita foi registrado no dia 22 de julho, no 85º Distrito Policial, Jardim Mirna, na Capital Paulista (RDO 2356/2015). Claudeci anexou ao boletim de ocorrência cópia do contrato de locação do imóvel e cópia do laudo de vistoria informando sobre os móveis planejados avaliados em R$ 10 mil. 

Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição.    


quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Ladrões agressivos roubam comércio no centro de São Miguel Arcanjo, mas a PM foi no encalço e capturou os marginais

Por volta das 12h de quarta-feira (26/08), dois ladrões armados e encapuzados renderam o proprietário de um restaurante no centro de São Miguel Arcanjo, agrediram o comerciante, roubaram R$ 700,00 e antes de saírem um criminoso disparou tiro no interior do comércio. Um terceiro elemento permaneceu dentro de um automóvel Corsa de cor vinho.

Após o roubo a dupla entrou no Corsa e fugiram. Policiais militares anotaram o modelo e a cor do veículo e ao diligenciar por uma estrada de acesso ao Bairro Turvo da Lagoa, área rural daquele município, a polícia avistou o Corsa de cor vinho. Houve acompanhamento até os criminosos se renderem. A equipe policial capturou dois adolescentes: um morador do Bairro São Carlos e outro residente no Bairro Sol Poente, em São Miguel Arcanjo. 

Apreendeu um simulacro de pistola, um revólver calibre 38, e capturaram o terceiro indivíduo Danilo Danásio de Oliveira Cunha, morador no centro da mesma cidade. Os três estão à disposição da Justiça. Além do roubo ao Restaurante Vem Ká, eles são apontados pelas vitimas que os reconheceu, como autores de assalto no "Mercado Dia", roubo no Auto Posto Videira; em São Miguel Arcanjo, e ainda reconhecidos como autores de roubo em Itapetininga.

O segredo da credibilidade é ser fiel ao fato. 

Mais de 8 quilos de drogas apreendidos em Sorocaba e dois no chilindró

Um casal estava abordo de um veículo Fiesta de cor prata com placa de Votorantim AIX 3402; Adriano Cristian de Almeida, 25 anos,  saiu do carro e tentou fugir a pé, a adolescente A.M.B de 17 anos, permaneceu dentro do carro.


A polícia acompanhou Adriano, ao revistá-lo encontrou 50 microtubos contendo cocaína. A equipe policial foi até à casa de outro suspeito, o jovem Luciano Aparecido Alves de Oliveira, 21 anos, e apreendeu um revólver calibre 32. Na casa da adolescente a polícia apreendeu 175 gramas de cocaína, 1.718 kg de crack e mais 6.377 kg de maconha; toda droga somou mais de 8 kg (oito quilos).

A adolescente relatou que havia mais uma arma em outro endereço, a polícia foi até o local e apreendeu mais um revólver calibre 38. O material e os envolvidos foram apresentados na Delegacia.  A abordagem inicial ocorreu pela Rua Serafim Banietti, no Recreio Sorocabano, em Sorocaba. O caso ocorreu no final da noite de terça-feira (25/08). A autoridade policial liberou a menor e prendeu os dois rapazes.

Não dá para viver sem notícia.

Casal é acusado de cometer furto no interior de unidade Pré Hospitalar de Sorocaba

Na terça-feira à noite (25/08) Guarda Civil deteve Willian Fernandes de Oliveira da Silva, 22 anos, e Amanda da Silva Romeira, 20 anos, por furto após terem sido flagrados pelo circuito interno de câmeras saindo da Unidade Pré Hospitalar com uma mochila subtraída de um dos funcionários na Zona Norte.

Uma equipe da Patrulha Escolar foi acionada para atender uma denuncia de furto ocorrido na UPH Zona Norte. No local foi constatado uma mochila pertencente a um funcionário havia sido subtraída. 

Em posse de informações colhidas no local dos fatos, a guarnição retornou ao Centro de Operações e Inteligência para verificar as imagens do circuito interno, das quais foi possível identificar um casal que passou por atendimento, saindo da unidade portando a mochila. 

Com os dados fornecidos pela ficha de atendimento, a guarnição, acompanhada por uma equipe da Ronda Municipal, seguiu para o endereço de Willian, porém segundo a mãe do suspeito, ele não mais residia ali e sim com a companheira,  Amanda, não sabendo informar o local. 

Após busca de informações e do empenho das equipes envolvidas, lograram êxito localizar a residência da suspeita no Jardim Aeroporto. A equipe ao chegar ao local foi atendida pelo autor, de imediato confessou o furto juntamente com a namorada, apresentando a mochila furtada, com todos os objetos da vítima. 

Com ambos detidos o caso foi apresentado no Plantão Policial Norte a autoridade que os autuou em flagrante por furto, sendo Willian recolhido ao Centro de Detenção Provisória de Sorocaba e Amanda à Cadeia Feminina de Votorantim.

O segredo da credibilidade é ser fiel ao fato.

Ladrão se dá mal ao assaltar residência em Sorocaba armado com faca

Criminoso invadiu uma residência empunhando uma faca e rendeu um homem e uma mulher. O ladrão pretendia subtrair celulares, dinheiro e outros objetos, mas o homem reagiu e conseguiu deter o invasor. 

O caso ocorreu quarta-feira (26/08), na residência das vitimas, situada na Rua Jorge Kuichi Tuzind, no Jardim Zulmira, em Sorocaba. Após deter o ladrão, a vitima acionou a Polícia Militar, quando os policiais chegaram no local encontraram o criminoso detido. 

A polícia conduziu Rafael Martins de Barros até o Plantão Policial. A autoridade policial ratificou flagrante de roubo (artigo 157 do Código Penal). Rafael Martins que já respondeu por outros delitos seria levado ao Centro de Detenção Provisória de Sorocaba.

O segredo da credibilidade é ser fiel ao fato.



Desfecho do Crime - Acusado pela morte de adolescente em Sorocaba é absolvido

No início da madrugada de 20 de julho de 2011, o adolescente Genesis Queiroz de Sena, 15 anos, sofreu tiros na cabeça, na axila, na nádega e no tórax; os disparos provocaram sua morte no local onde estava: cruzamento da Rua Francisco Cândido com a Rua Leonel Brizola, Bairro Ana Paula Eleutério, em Sorocaba. A vitima morava naquele bairro. 

Dois homens numa motocicleta seguiram o menor que conduzia uma mobilete XR 50, o garupa efetuou os disparos. Os delegados da DIG Basilio Kassar e Acácio Aparecido Leite investigaram o caso e identificaram os autores: Willy Galvão Silva que pilotou a motocicleta e o garupa Danilo Henrique Batista, ambos residentes no Bairro Herbet de Souza, em Sorocaba. Durante o processo a Justiça mandou prender Danilo porque ele teria ameaçado testemunha. 

Danilo confessou autoria do delito afirmando que a motivação ocorreu porque o menor teria lhe vendido seis porções de maconha por R$ 60,00; Danilo não teria pago os R$ 60, motivo pelo qual o adolescente lhe ameaçava de morte. Segundo Danilo, isso o levou até a Feira da Barganha para comprar um revólver por R$ 500,00, e naquela madrugada ele cometera o crime. A Justiça condenou Danilo por 6 anos. Willy recorreu da sentença de pronúncia, mas o Tribunal-SP entendeu que o júri deveria julgar o caso.

Na terça-feira à tarde (25/08), Willy sentou no banco dos réus, confessou que conduziu a moto, mas negou que soubesse a intenção do amigo Danilo. O promotor de justiça Marcos Fábio de Campos Pinheiro pugnou pela condenação do acusado por homicídio duplamente qualificado (artigo 121, parágrafo 2º inciso I e IV).

 "Testemunhas dizem que o adolescente era usuário de maconha; ele não vendia droga. Quem vendia droga era Danilo. Estranho isso: Danilo não tinha R$ 60 para pagar dívida de droga, mas teve R$ 500 para comprar a arma e matar o adolescente". Marcos Pinheiro enfatizou que se Willy não tivesse conduzido a moto o crime não existiria, portanto, reconhece que Willy é coautor. O advogado Bruno Mori Leon Alves pleiteou absolvição negando coautoria. Os jurados deliberaram pela absolvição. A juíza Adriana Tayano Fanton Furukawa liberou o acusado. Willy nunca esteve preso por causa dessa acusação.

Quem comete crime está sujeito a pão de angústia e água de amargura.

Sorocaba sedia encontro regional de Consegs

Com o objetivo de debater a segurança pública da região de Sorocaba, o município sedia o Encontro Regional dos Consegs (Conselhos Comunitários de Segurança) no dia 27 de agosto. São esperadas mais de 200 pessoas entre autoridades da área de segurança pública, além de representantes dos conselhos.

O encontro também busca reativar e fortalecer os Consegs em todas as cidades convidadas, que são: Alumínio, Araçariguama, Araçoiaba da Serra, Ibiúna, Iperó, Itapirapuã Paulista, Itu, Jumirim, Mairinque, Piedade, Pilar do Sul, Porto Feliz, Salto, Salto de Pirapora, São Roque, Sorocaba, Tapiraí, Tietê, Votorantim, Alambari, Angatuba, Boituva, Campina do Monte Alegre, Capela do Alto, Cerquilho, Cesário Lange, Guareí, Itapetininga, Quadra, São Miguel Arcanjo, Sarapuí e Tatuí.

Estarão presentes no evento a equipe estadual da coordenadoria dos Consegs, além de membros das Polícias Militar e Civil do Estado de São Paulo. A entrada é gratuita e a população está convidada a participar, basta apresentar um documento com foto e realizar o credenciamento no local.

Sobre o Conseg

Os Consegs são formados por grupos de voluntários do mesmo bairro ou município que se reúnem para discutir, analisar, planejar e acompanhar a solução dos problemas relativos à segurança pública de cada comunidade. 

O trabalho é feito por meio de desenvolver campanhas educativas e ações coordenadas, que estreitam laços de entendimento e cooperação entre lideranças locais.
Cada conselho é uma entidade de apoio às forças policiais tanto municipais quanto estaduais, e se vinculam às diretrizes da Secretaria de Segurança Pública, por intermédio do Coordenador Estadual dos Conselhos Comunitários de Segurança. 

Os Consegs representam a mais ampla, sólida, duradoura e bem sucedida iniciativa de polícia orientada para a comunidade em curso no Brasil. O evento será realizado a partir das 08h30, no Parque Tecnológico Alexandre Beldi Netto, situado na Av. Itavuvu, nº 11.777, Distrito Industrial, em Sorocaba.

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Falso médico presta depoimento na Delegacia de Mairinque

O falso médico Bertino Rumarco da Costa, preso em Caratinga (MG), no início do mês, prestou depoimento segunda-feira (24/08), na Delegacia de Mairinque. De acordo com informação da delegada Simona Ricci Anzuíno, que acompanha a "Operação Placebo", o rapaz disse que se formou em Medicina em 2013, na Bolívia, e que veio para o Brasil no mesmo ano, quando ouviu dizer que havia facilidade de trabalhar aqui sem registro profissional, reconhecido pelo Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp). 

Bertino ainda confessou que não tinha vínculo empregatício com a Innovaa, uma das empresas investigadas na contratação dos falsos médicos, mas, sim, com o Instituto Ciências da Vida (ICV), que também contratava os falsários para trabalharem na região. Bertino chegou prestar serviços em Tatuí, onde fez parte do esquema fraudulento. Após prestar depoimento, ele foi levado à cadeia pública de São Roque. 

As investigações da "Operação Placebo" começaram a partir da desconfiança de funcionários de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) de Alumínio, sobre uma mulher que trabalhava como médica, usando um CRM falso. Assim, eles procuraram o Cremesp para confirmar seu cadastro, e descobriram que ela não era a mesma pessoa apresentada pelo órgão e que se tratava de Vilka de Souza Nobre. 

Além dela, estão foragidos o médico Lee Boris Flores Orella, responsável por atrair profissionais não habilitados para exercer a Medicina no Brasil, e o boliviano naturalizado brasileiro, José Pablo Rojas Soliz.

Reproduzida do Site Diário de Sorocaba.

Motorista é assassinado a tiros em Salto de Pirapora

No início da madrugada de terça-feira (25/08), alguém acionou o telefone de urgência da Polícia Militar (190), e informou que teria acontecido uma tentativa de homicídio, pela Rua Fortunato Caetano Ferraz, Jardim Arco Iris, área rural, em Salto de Pirapora.

Uma guarnição da Polícia Militar se dirigiu ao local e encontrou o homem ferido aparentemente por tiros; a polícia solicitou socorro, mas o homem já estava sem vida. O motorista Narcizo Ipólito da Silva, 45 anos, morava no endereço citado acima. A polícia desconhece a motivação e não ouviu informação a respeito da autoria.

O segredo da credibilidade é ser fiel ao fato.

Cai o índice de roubos de carga em São Paulo

O Estado de São Paulo apresentou queda nos roubos de carga pelo terceiro mês consecutivo. A redução em julho foi de 19,51%, com 143 casos a menos em relação a igual mês do ano passado. O indicador passou de 733 para 590. É a segunda vez no ano que o número é menor que 600.

“Temos agora o terceiro mês consecutivo [de diminuição do indicador], o que já demonstra uma tendência de queda dos roubos de carga, no Estado todo”, disse o secretário da Segurança Pública, Alexandre de Moraes. A análise dos últimos três meses também aponta que o indicador está em queda. Houve recuo de 13,08%, no período de maio, junho e julho, em relação aos meses de 2014. O número passou de 2.163 para 1.880 – 283 casos a menos.

O secretário destacou que a queda é resultado de um trabalho de investigação, que contou com a elaboração de um mapeamento, pela Polícia Civil, com os dados dos 10 últimos anos de roubos de carga em todo Estado, como locais das ocorrências, detalhamento dos veículos envolvidos, forma de ação das quadrilhas, além de dados de pessoas presas e foragidas. Estes dados subsidiaram as investigações e a prisão de 234 pessoas nos últimos meses.

Com a queda do mês de julho, o Estado registrou redução de 0,38% nos últimos sete meses. De janeiro a julho deste ano, ocorreram 5.014 roubos de carga, ante 5.033 em igual período de 2014 – 19 casos a menos. “Com essa redução, nós já estamos com um número menor que o do ano passado também nos sete meses”, ressaltou Moraes.

Capital

Na Capital, também é o terceiro mês consecutivo que o indicador apresenta diminuição. A redução em julho foi de 21,16%, com 91 a menos em relação ao mesmo mês do ano passado. O número passou de 430 para 339.

Seguindo a tendência do Estado, a análise dos últimos três meses também aponta que o indicador está em queda.  A redução foi de 15,58 %, no período de maio, junho e julho em relação aos meses de 2014. Foram contabilizados 195 casos a menos – passou de 1.252 para 1.057. No acumulado dos últimos sete meses, houve uma elevação de 3,34%.

Grande São Paulo

A Grande São Paulo registrou queda de 17,65% nos roubos de carga na região em julho, com 27 casos a menos. É a quinta redução do indicador em 2015.
O número passou de 153, em julho de 2014, para 126 ocorrências no mês passado.


No comparativo do último trimestre do ano, a queda foi de 11,27%, com 55 casos a menos. O número de ocorrências passou de 488, no período de maio, junho e julho para 433 nos mesmos meses de 2015. A região fechou os últimos sete meses com recuo de 7,91%. Nos primeiros sete meses do ano, houve 96 ocorrências a menos. O número passou de 1.213 para 1.117.

Interior

O Interior registrou queda de 16,67% nos roubos de carga na região em julho, com 25 casos a menos. É a quinta redução do indicador em 2015. O número passou de 150, em julho de 2014, para 125 ocorrências no mês passado.


No comparativo do último trimestre do ano, a queda foi de 7,8%, com 33 casos a menos. O número de ocorrências passou de 423, no período de maio, junho e julho para 390 nos mesmos meses de 2015. A região fechou os últimos sete meses com recuo de 2,18%. O número passou de 919, de janeiro a julho do ano passado, para 899 em igual período deste ano.

Reproduzida da Secretaria da Segurança Pública.

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Homem tenta matar o sobrinho em Ibiúna

No final da tarde de domingo (23/08), uma equipe da Polícia Militar prendeu um homem acusado de tentar matar o sobrinho dele. O crime ocorreu na residência onde ambos moravam, na Rua Projetada 3, Bairro Laval II, em Ibiúna. 

Gilmar Nascimento Ramalho de 50 anos, atingiu seu sobrinho com dois tiros de revólver calibre 38. Segundo relato do autor, seu sobrinho Alef Ramalho de Camargo, 21 anos, é usuário de droga e teria ameaçado o tio Gilmar Nascimento. 

A polícia se dirigiu até a residência onde o crime ocorreu e localizou um pé de maconha em um vaso. O vaso com a erva proibida fora apreendido. A polícia prendeu Gilmar Nascimento na carceragem provisória em Ibiúna, mas na segunda-feira à tarde (24/08) ele seria encaminhado para a cadeia transitória de São Roque.

Notícia sem detalhe não é verdadeira, é suposição.